A cidade do Samba

A cidade do Samba

Um timelapse em tilt-shift para mostrar a grande festa do Carnaval no Sambódromo do Rio de Janeiro, com um delicioso efeito de miniaturização que transforma os sambistas em personagens lilliputianas. As imagens foram recolhidas durante no Carnaval de 2011. Título original: The city of Samba, 2011. Por Keith Loutit and Jarbas Agnelli. … Ler artigo →

Reflexos de Uyuni

Reflexos de Uyuni

  Localizada no Altiplano da Bolívia - a 3.656 metros de altitude - e com mais de dez mil quilómetros quadrados, a planície de sal de Uyuni, na província boliviana de Potosí, é a maior do mundo. Enrique Pacheco, autor do filme, deu protagonismo aos magníficos reflexos provocados pelas chuvas intensas que caiem no Salar de Uyuni durante a época das chuvas e "convida-nos … Ler artigo →

Magdalena, esse rio de memórias perdidas

livro-the-robber-of-memories

Faz agora um ano que morreu o Prémio Nobel colombiano, Gabriel García Márquez, inventor de Macondo de Cem Anos de Solidão, “país” que pertence ao imaginário da Colômbia e dos seus leitores, “país” de memórias perdidas e de pessoas que simplesmente não esquecem. Macondo é esse espaço da infância de García Márquez, banhado pelas águas turvas e revoltosas do rio Magdalena. Foi … Ler artigo →

Bobó de camarão, tão baiano quanto o som de um berimbau

Bobó de camarão

Entre as famílias brasileiras mais antigas é difícil encontrar quem não tenha, pelo menos, uma trisavó africana ou europeia ou até de algum sítio perdido no meio da Amazónia. Tal como a própria História desta outrora colónia portuguesa, também a alimentação reflete a mestiçagem que ajudou a desenvolver a identidade brasileira na presença de ingredientes africanos, europeus, … Ler artigo →

Guia: o que fazer no Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

Porventura a mais atraente de todas as grandes cidades brasileiras, o Rio de Janeiro oferece um ambiente descontraído, voluptuoso e musical, para sempre associado à melodiosa canção «Garota de Ipanema» de Vinicius de Moraes e Tom Jobin. Famosa por albergar o maior Carnaval de rua do mundo, por praias como Ipanema ou Copacabana, por ser o berço do grande arquiteto Oscar … Ler artigo →

Pará, Segredos da Floresta

Pará, Brasil

Num país cada vez mais descoberto pelos portugueses, subsistem vastas regiões com paisagens inimagináveis. Apenas algumas das inúmeras facetas que se abrigam sob o manto verde da Amazónia, no estado brasileiro do Pará. A mais falada, a mais impressionante, a mais desconhecida das florestas. Bragança, Aveiro e Viseu são alguns dos nomes que partilhamos com a geografia … Ler artigo →

Sampa, a mil, na cidade que nunca dorme

São Paulo

  Rebelde, cosmopolita, sedutora, aberrante, insone, multicultural. São Paulo é a hiperbolizada metrópole brasileira, "o avesso do avesso do avesso", na estranha geografia de um labirinto de experiências e contrastes. Centro de negócios, capital cultural, luxo e ritmo high-tech. Laboratório de vida a céu aberto, no rasto de um Brasil pujante. Está preparado para viver a … Ler artigo →

Machu Picchu, a velha montanha festeja 100 anos

Machu Picchu, Peru

No dia 24 de julho de 1911, o explorador Hiram Bingham descobriu as ruínas de uma importante cidade do Império Inca, que ficou conhecida como Machu Picchu. Em 2011, o Peru assinala, a 7 de julho, o Ano do Centenário de Machu Picchu para o Mundo com a presença do Nobel da Literatura Vargas Llosa, e um espectáculo de luz e cor nas ruínas, classificadas como Património Mundial da … Ler artigo →

Rota do altiplano boliviano

Altiplano boliviano

Mosaico de paisagens e de culturas, a Bolívia é um dos países mais belos da América do Sul e o altiplano talvez a sua faceta mais conhecida. Com a ressalva de que muitas viagens seriam necessárias para uma perceção mais íntima de tamanha variedade, eis aqui um roteiro de viagem por quatro cidades habitantes do planalto central andino: Cochabamba, Oruro, Potosí e Sucre. Sob os … Ler artigo →

Missões Jesuítas da Bolívia

Missões Jesuítas da Bolívia

A região oriental da Bolívia, perto da fronteira com o Pantanal brasileiro, acolhe cinco missões jesuítas, classificadas pela UNESCO como Património Mundial. Foram todas restauradas pelo arquiteto suíço Hans Roth e são preciosos exemplos de mestiçagem cultural. Entre Puerto Quijarro, na fronteira com o Brasil, e San José de Chiquitos, uma pequena cidade localizada no coração … Ler artigo →

A beleza agreste da Quebrada de Humahuaca

Quebrada de Humahuaca

No Noroeste da Argentina, zona andina bastante diferente do resto do país, abre-se um desfiladeiro agreste mas encantador, cujos montes de cores inesperadas fazem as maravilhas dos amantes da natureza. Viagem ao desfiladeiro de Humahuaca. O desfilafeiro de Humahuaca A primeira vez que percorri a Quebrada de Humahuaca ainda a estrada de montanha era isso mesmo: uma via sinuosa … Ler artigo →

Na Amazónia com um índio tikuna

Amapá, Brasil

Penetrando na selva amazónica ao longo do rio Araguari, facilmente se percebe porque dela dizem ser a farmácia do índio. Rio acima rumo ao Parque Natural das Montanhas do Tumucumaque acompanhado por um índio tikuna, bebemos do saber ancestral dos chefes indígenas da Amazónia. Sejam bem-vindos ao Amapá, o “mais bem preservado Estado do Brasil”. Turismo no Amapá? Fala-se em … Ler artigo →

Macapá, na linha do Equador

macapa-brasil-t660

Uma vez chegado ao Amapá, junto à fronteira com a Guiana Francesa, conheci a tranquila capital Macapá e a vila histórica de Mazagão Velho, andei num dos raros comboios de passageiros do Brasil, vi dançar marabaixo e, claro, abusei do omnipresente açaí. Um roteiro de viagem a Macapá, num Brasil fora dos roteiros turísticos comuns. Marco Zero em Macapá, capital do Amapá “Em … Ler artigo →

Santiago, semente de país

Santiago do Chile

Como uma faca afiada, o Chile estende-se ao longo do oceano Pacífico, empurrado para o mar pela cordilheira andina. Santiago fica no centro desta tira estreita, como um nó feito com a faixa amarela do norte desértico, e a tira verde e húmida do sul. Um roteiro de viagem a Santiago. Amanhecer em Santiago A cidade demora a acordar. Na Alameda, os transportes públicos despejam … Ler artigo →

Ouro Preto, a grande capital setecentista

Ouro Preto, Minas Gerais

Graças à decadência que se seguiu à transferência da capital do Estado de Minas Gerais para Belo Horizonte, no final do século XVIII, Ouro Preto conservou um núcleo histórico inestimável, classificado pela UNESCO como Património Mundial. Nas suas ruas e calçadas sobrevive uma memória dos tempos em que foi uma das prósperas cidades da América do Sul. Ouro Preto, ambiências … Ler artigo →