Patagónia

Parque Nacional Torres del Paine, Chile
Parque Nacional Torres del Paine, Chile

Patagónia

Patagónia é um nome que faz sonhar com vastidões distantes, mas ao viajar descobre-se uma região muito diversa: a parte mais extensa, entre os Andes e a costa atlântica, é isolada e selvagem, caracterizada por uma extensa estepe ventosa e pouco povoada, com uma fauna e flora próprias, onde é possível encontrar bosques petrificados de araucárias e vestígios de dinossauros; outra parte do território engloba locais e cidades turísticas e modernas, como é o caso da Região dos Lagos, com os seus hotéis de luxo e estâncias de esqui.

A Patagónia abrange o sul da Argentina (Patagónia Argentina) e do Chile (Patagónia Chilena), integrando a cordilheira dos Andes até ao extremo meridional da América do Sul, no arquipélago da Terra do Fogo, entre o Oceano Pacífico e o Atlântico. A argentina abrange as províncias de Neuquén, Río Negro, Chubut, Santa Cruz, e La Pampa, bem como a Terra do Fogo. Pensa-se que o nome deriva de patagones, nome dado por Fernão de Magalhães aos indígenas locais, os tehuelche, que seriam mais altos que os espanhóis da época.